Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página


Mobilidade para o Exterior

A oportunidade de estudar e desenvolver atividades de pesquisa em uma instituição estrangeira proporciona ao estudante uma experiência singular. A imersão em uma cultura distinta, aliada ao contato com um novo ambiente acadêmico, possibilita amplo crescimento pessoal e intelectual que amplia visões e aprimora a formação do estudante. Neste sentido, a Assessoria de Cooperação Internacional da UFTM apoia e busca fomentar o intercâmbio de seus alunos para universidades estrangeiras.

Atualmente a ACI não conta com recursos próprios para financiar bolsas de intercâmbio à comunidade interna. Deste modo, a mobilidade para o exterior ocorre por meio de editais externos como aqueles do programa Ciência sem Fronteiras (com bolsa), e mobilidade para universidades com as quais a UFTM possui acordo de cooperação (sem bolsa).

Requisitos para candidatura

- Ser aluno de graduação ou pós-graduação regularmente matriculado em cursos de graduação ou pós-graduação da UFTM;
- Ter concluído no mínimo 20% e no máximo 90% do curso no momento da viagem. (alguns programas exigem porcentagem maior de créditos concluídos);
- Ter obrigatoriamente que cursar, após o término da mobilidade, no mínimo um semestre acadêmico na UFTM para integralização do curso. O estudante não pode estar em semestre de colação de grau (graduação) ou de defesa (pós-graduação) no momento da mobilidade;
- Apresentar média geral acumulada (MGA) igual ou superior a 6.5; 
- Não apresentar mais de duas reprovações considerando os dois últimos semestres.
Outros requisitos poderão vigorar, de acordo com cada edital.

Os estudantes candidatos a programas de mobilidade deverão estar a par dos editais publicados e, em caso de dúvidas ou solicitação de documentos, deverão se encaminhar à Assessoria de Cooperação Internacional para esclarecimentos.

Aproveitamento de créditos

Dúvidas relacionadas ao aproveitamento de disciplinas e desenvolvimento de atividades curriculares na universidade estrangeira deverão ser discutidas com o colegiado do curso do estudante. 
São os professores que compõem o colegiado quem têm competência para analisar o conteúdo das disciplinas ou do estágio e avaliar as atividades desenvolvidas durante o período de mobilidade. 
Os estudantes deverão enviar relatório das atividades desenvolvidas no intercâmbio semestralmente.

Procedimentos antes da partida

O candidato selecionado em programa de mobilidade deverá informar a coordenação de seu curso sobre a aprovação de sua candidatura e solicitar que esta encaminhe memorando à ACI e ao DRCA com as seguintes informações:

1) nome completo do aluno, 
2) número de matrícula, 
3) curso e período atual, 
4) universidade e país de destino, 
5) período da mobilidade (meses e anos);

Anexo ao memorando, enviar documento que comprove a aprovação do candidato em processo seletivo para mobilidade.

O aluno terá seu status alterado para “Mobilidade Internacional”.

O estudante interessado em realizar estudos em instituições estrangeiras com as quais a UFTM ainda não possui acordos de cooperação pode entrar em contato com a ACI e expor suas intenções. A Assessoria buscará intermediar o contato do aluno com a universidade estrangeira de modo a favorecer a oportunidade de intercâmbio.

 

Fim do conteúdo da página